skip to Main Content

Frouxidão Ligamentar

Introdução

A frouxidão ligamentar, ou Síndrome da Hipermobilidade Articular, é uma condição que promove a frouxidão das articulações e uma maior elasticidade dos ligamentos, levando a um excesso de mobilidade das articulações.

Ela pode causar dor e sensação de instabilidade nas articulações, levando a um maior risco de torções em articulações como tornozelo e ombro, por exemplo.

Além disso, ao longo do tempo esta condição pode levar ao desgaste das articulações, que chamamos de artrose, e levar também a dor crônica e dificuldade em realizar atividades físicas no médio e longo prazo.

Os atletas são os que mais sofrem com a frouxidão ligamentar e necessitam de um acompanhamento e tratamento específico para poderem realizar suas atividades sem restrições.

Com o tratamento adequado, é possível ao paciente com frouxidão ligamentar ter uma vida esportiva normal. Procure um ortopedista especializado.

O que é a frouxidão ligamentar?

A frouxidão ligamentar, ou Síndrome da Hipermobilidade Articular, é uma condição que promove a frouxidão articular e dos ligamentos, levando a um excesso de mobilidade das articulações.

Os ligamentos são estruturas que ligam um osso a outro e funcionam como cordas estabilizadoras das articulações. São mecanismos muito importantes na estabilização articular. Na frouxidão ligamentar, as proteínas constituintes desses ligamentos estão alteradas, tornando-os mais maleáveis.

Pessoas portadoras de frouxidão ligamentar são capazes de realizar movimentos inusitados com seus membros e, até mesmo, alcançar posições dificilmente alcançáveis por pessoas “normais”. O exemplo mais clássico desta condição são os contorcionistas.

Frouxidão Ligamentar | DS Ortopedia

Geralmente esta condição tem uma origem familiar. Ou seja, a frouxidão ligamentar é passada dentro de uma mesma família para as gerações seguintes, por meio de alterações genéticas que levam a uma alteração no colágeno, que é a substância de que são feitos os ligamentos. A síndrome mais conhecida é denominada Síndrome de Ehlers-Danlos. Existem outras síndromes que podem levar à frouxidão ligamentar, como as síndromes de Down e Marfan.

É possível também adquirir certa hipermobilidade ao longo da vida, por meio de microtraumas de repetição (em que uma articulação é “forçada” continuamente, como por exemplo em bailarinas) ou por meio de um trauma acentuado que pode levar a ruptura dos ligamentos (acidentes de moto, acidentes em alta velocidade, acidentes esportivos com torções articulares, por exemplo).

A frouxidão ligamentar é mais comumente vista nas mulheres e indivíduos mais jovens como crianças e adolescentes.

Como é feito o seu diagnóstico?

Uma boa conversa no consultório e um bom exame físico são a melhor forma de diagnóstico. São avaliadas competências para realizar alguns movimentos específicos.

São eles: encostar as palmas das mãos no chão sem dobrar os joelhos, dobrar os dedos para trás, encostar o polegar no antebraço, dobrar os cotovelos para trás e esticar os joelhos de forma que eles fiquem ligeiramente dobrados para trás.

Não existe nenhum exame de sangue que auxilie no diagnóstico.

A pessoa portadora de frouxidão ligamentar pode apresentar dor articular ou queixar-se de instabilidade das articulações (sentir que não há firmeza ao realizar os movimentos), além de estar mais susceptível a traumas como entorses do tornozelo e luxações do ombro.

O que causa a frouxidão ligamentar?

Existem alguns fatores relacionados a este problema. Além da produção pelo corpo de um colágeno alterado ou lesões ligamentares, existem outros fatores que podem estar presentes. São eles:

  • O formato das articulações: A articulação é a junção entre dois ossos, e funciona como se fosse o encaixe de uma bola em um soquete. Quando mais fundo esse soquete, mais a bola estará presa e encaixada nele. Da mesma forma acontece nas articulações: quem apresenta uma articulação “rasa” terá maior movimento nas “juntas”, levando a uma hipermobilidade da articulação. Isso é mais facilmente visto nas articulações do quadril e ombro.
  • A força muscular: Os músculos são os maiores protetores das articulações e sua ação faz com que elas permaneçam estáveis. A presença de fraqueza muscular pode fazer com que as articulações funcionem de forma mais instável.

Quais problemas a frouxidão ligamentar pode causar?

Se não tratada, a instabilidade articular causada pela frouxidão pode levar ao desgaste precoce das articulações (denominada artrose). Além disso, a manutenção de uma articulação frouxa pode ser um risco para a ocorrência de novas lesões como torções dos tornozelos, principalmente em crianças, adolescentes e atletas.

Para algumas práticas esportivas como ballet e ginástica olímpica, a hipermobilidade articular (ou frouxidão ligamentar) é parte importante do sucesso do atleta na mobilidade. Em outras palavras, a presença da alteração ortopédica favorece a prática dessas atividades. Por outro lado, a repetição de movimentos no limite das articulações pode levar a lesões nas articulações.

Por causa disso, frequentemente estes atletas acabam suas carreiras de forma precoce.

Frouxidão Ligamentar | DS Ortopedia

Qual o tratamento da frouxidão ligamentar?

Pessoas portadoras de frouxidão ligamentar que não apresentam sintomas como dor ou instabilidade nas articulações devem manter uma rotina de exercícios de fortalecimento para proteção das articulações, sobretudo aquelas que praticam atividades esportivas que levam a um risco aumentado de torções como a prática de esportes de contato como futebol, por exemplo, que podem precisar de suporte de fisioterapeutas especializados, em alguns casos.

No caso de articulações dolorosas e que tenham sofrido acidentes devido a torções, o tratamento é inicialmente com fisioterapia e cada caso deve ser avaliado individualmente.

Frequentemente, quando os resultados do tratamento não-cirúrgico não são ideais, devem ser consideradas intervenções cirúrgicas para impedir o agravamento da degradação articular.

Atualmente existem opções de cirurgia minimamente invasiva para o tratamento das instabilidades articulares e retorno precoce às atividades esportivas.

Para o tratamento da frouxidão ligamentar associada a instabilidade do tornozelo após uma torção, existem métodos minimamente invasivos por vídeo que são capazes de devolver ao paciente um tornozelo estável em pouco tempo após a cirurgia.

Com o tratamento adequado, é possível ao paciente com frouxidão ligamentar ter uma vida esportiva normal. Procure um ortopedista especializado.

Perguntas dos Pacientes

1. O que a frouxidão ligamentar pode causar?

Se não tratada, a frouxidão ligamentar pode causar desgaste articular (artrose) ao longo do tempo, tornar o indivíduo mais propenso a sofrer entorses (torções) articulares e levar a dores articulares.

2. Como saber se eu tenho hipermobilidade?

É necessária uma avaliação ortopédica cuidadosa por um ortopedista especializado, que constitui num bom exame físico para determinar se a amplitude das articulações excede a habitual.

3. O que é lassidão articular?

Lassidão articular é o mesmo que frouxidão ou hipermobilidade articular. É uma condição que leva ao aumento da mobilidade articular e pode levar a desgaste precoce das articulações e sintomas de frouxidão e instabilidade.

4. O que é uma doença articular degenerativa?

Uma doença articular degenerativa é uma doença que leva ao desgaste articular ao longo do tempo. As causas mais comuns de desgaste articular são a frouxidão ligamentar, instabilidade articular, fraturas que acometem as articulações e doenças como artrite reumatoide e obesidade.

Referências:

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC8027473/

Back To Top